Brincadeira Dia-a-dia Outros temas Uncategorized

Trilhas com as crianças: um ótimo programa!

(*) Papo de Pracinha

texto_proprio O Papo de Pracinha tem defendido, desde sempre, a importância do convívio entre as crianças e a natureza. Diversos estudos têm mostrado que a falta de oportunidades de estar na natureza e brincar ao ar livre tem sido associada a problemas de saúde entre crianças e adolescentes, como: obesidade, hiperatividade, baixa motricidade, miopia, pouca habilidade física, além de doenças cardiovasculares e metabólicas. Além disso, a brincadeira na natureza oferece às crianças um mundo rico de possibilidades sensoriais, criativas e imaginativas. O processo de explorar com liberdade o ambiente natural e descobrir novas formas, formas, cores, cheiros, texturas, temperaturas, e novas maneiras de se movimentar, tomar decisões e avaliar riscos contribui para o desenvolvimento de sua autonomia e para o seu desenvolvimento integral. Sem dizer que estar na natureza é uma janela para afastar as criança das telas e do mundo do consumo[1].

Assim, além de pensar num cotidiano que ofereça a possibilidade às crianças de brincar ao ar livre na natureza, sempre que possível, com idas às pracinhas, parques e áreas verdes próximas de casa e/ou da escola, podemos pensar em alguns programas especiais que promovam experiências que estreitem esse convívio. Uma opção é fazer trilhas com as crianças.

No Rio de Janeiro há algumas trilhas indicadas para crianças. Por volta de 3 anos, elas já conseguem caminhar sozinhas, com mais equilíbrio, tendo menos risco de cair, podendo fazer trilhas com percursos leves e seguros . O Parque Lage e o Parque da Catacumba têm ótimas trilhas. O caminho para o Forte do Leme também é uma trilha fácil e muito bonita (tem uma subidinha, mas se for com calma é tranquilo). A pista Claudio Coutinho também é ótima para uma caminhada. Você pode pesquisar na sua cidade quais as trilhas que podem ser feitas por crianças acompanhadas de adultos, é claro.

As crianças e os adultos que se aventurarem a fazer trilhas terão, com certeza, uma experiência divertida, emocionante e cheia de significados. Mas algumas dicas são importantes:

  • Pesquise antes como é a trilha, o que tem no caminho e o tempo médio do percurso.
  • Observe se o tempo esteve firme nos dias que antecedem o passeio, pois a chuva pode deixar o solo escorregadio, trazendo perigo de quedas. Não vale a pena ir nesse caso. Espere um tempo firme!
  • Converse com a criança antes da trilha, preparando-a para o que irão fazer. Diga o que encontrarão ao final: uma cachoeira, uma vista bonita, o mar? Isso motiva a criança a cumprir a meta e encontrar a surpresa final!
  • Leve água, lanche e uma sacolinha para descartar o lixo
  • Não esqueça o repelente.
  • Vista roupas e tênis confortáveis que facilitem os movimentos. Se a criança for alérgica à mosquito é interessante usar calça comprida.
  • Levar uma lupa e lanternas para investigar e brincar de encontrar tesouros naturais. Pode-se, quando permitido, coletar algumas coisas que chamem a atenção das criança, como uma pedra diferente, folhas, sementes, flores. Fotografar também pode ser interessante: micos, pássaros, árvores diferentes, lagartas, joaninhas etc.
  • Um toque de imaginação, uma história criada durante o percurso, também pode ser muito divertido.
  • Podemos incentivar uma atitude curiosa e investigativa perguntando às crianças: quem mora aqui? Será que aqui tem cavernas? Que sons a gente escuta? Quem está fazendo esses sons? Que cheiros a gente consegue sentir? De quê? Que bichos moram aqui? O que os bichos comem? Será que alguém alimenta os bichos? Quem plantou essas árvores? Será que elas estão aqui há muito tempo?
  • É importante respeitar o ritmo da criança e acompanhá-la nas suas paradas para observar melhor alguma coisa ou descansar.
  • Interessante também, dependendo da trilha,estimular a criança a ser o guia, avisando o que está vendo para os outros. Isso faz com que ela se sinta responsável, colaborativa e que avalie os riscos.

Experiências coletivas e colaborativas na natureza estreitam os laços afetivos entre as crianças e os adultos e criam memórias inesquecíveis, boas de viver e boas de contar!

Prontos para a aventura?  Conte-nos a sua experiência Vamos adorar saber!

 

[1] Um material interessante sobre o tema é o Manual de Orientação produzido pela Sociedade Brasileira de Pediatria e pelo Programa Criança e Natureza (Instituto Alana):  “Benefícios da Natureza no Desenvolvimento de Crianças e Adolescentes”

Photo by Kyle Nieber on Unsplash

0 comentário em “Trilhas com as crianças: um ótimo programa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: